PDI e o propósito de vida se relacionam

O PDI – Plano de Desenvolvimento Individual – e o propósito de vida, quando se relacionam, apontam caminhos para otimizar a inteligência em direção à autorrealização profissional e à prosperidade pessoal. Esta relação possibilita manifestar a visão pessoal, fortalecendo a autoestima e a objetividade das escolhas no período executivo da vida, colhendo frutos na maturidade existencial.

Muitas vezes o PDI é apenas uma tarefa imposta pela organização para o profissional melhorar o seu desempenho. Contudo, se o indivíduo compreender a importância deste recurso para qualificar a sua postura diante da vida, participará conscientemente na elaboração do plano e proporá ajustes essenciais, introduzindo o que realmente faz sentido para o seu desenvolvimento.

E o mindset de autodesenvolvimento é ativado sem resistência, fazendo sentido para o indivíduo ser o protagonista da lapidação de sua inteligência, conforme detalhado no artigo https://pmeacademy.com.br/mindset-de-autodesenvolvimento-valoriza-profissionais/ .

O PDI – Plano de desenvolvimento Individual – e o propósito de vida, quando se relacionam, apontam caminhos para otimizar a inteligência em direção à autorrealização profissional e à prosperidade pessoal.

A compreensão do íntimo entrelaçamento entre o PDI e o propósito de vida revela a interdependência entre a vida pessoal e a trajetória profissional. Torna possível ao humano vitalizar a automotivação para buscar voluntariamente outros aprendizado além dos oferecidos pela organização, porque assume o protagonismo pelo seu autodesenvolvimento. A solução apresentada no artigo https://pmeacademy.com.br/pme-academy-online-solucao-para-profissionais-de-gestao-e-lideranca-nas-pme/ dá acesso simultâneo a várias áreas do conhecimento através de assinatura, favorecendo o desenvolvimento humano e organizacional.

A grande mestra de todos nós é a realidade que impõe diariamente a autoevolução, exigindo conhecimento com autoconhecimento. Pessoas, tarefas e o propósito de vida precisam ser harmonizados, por isso o foco no aprimoramento dos soft skills torna-se fundamental para o exercício da autoliderança e da influência inspiradora em todos os setores da vida.

Fica a dica para você pensar profundamente nesta relação. A educação é a chave para o lidar com as coisas do mundo, mas a autoeducação é o início da jornada evolutiva em direção à sabedoria.

Mindset de autodesenvolvimento valoriza profissionais

Um profissional com mindset de autodesenvolvimento potencializa o seu valor num mercado que busca quem manifeste inteligência pragmática e conceitual, diferenciando-o dos que desconhecem ou negligenciam os conceitos alavancadores de desempenho.

Profissionais que associam a prática à teoria qualificam a análise, o planejamento e a execução, conquistando um lugar diferenciado nas organizações de qualquer porte. A educação continuada dá vigor à inteligência humana para orquestrar as seguintes 5 mentes: disciplinada, sintetizadora, criadora, respeitosa e ética, conforme o artigo https://pmeacademy.com.br/educacao-continuada-nas-pmes-na-era-do-conhecimento-com-investimento-minimo/.

Frequentemente encontramos profissionais que possuem conhecimento prático, contudo se descuidaram ou não tiveram oportunidade de aprender os conceitos para qualificar ou avançar no raciocínio. Estes indivíduos podem muito mais se buscarem os esclarecimentos, caso contrário estarão limitando a própria escalada. Hoje o conhecimento está muito acessível para quem estiver disposto a aprender.

Um profissional com mindset de autodesenvolvimento potencializa o seu valor num mercado que busca quem manifeste inteligência pragmática e conceitual, diferenciando-o dos que desconhecem ou negligenciam os conceitos alavancadores de desempenho.

Cabe ao RH, DHO ou pessoas que inspiram os profissionais mostrarem a urgência de assumirem a responsabilidade pelo autodesenvolvimento. O profissional deve ser o protagonista da qualificação da sua inteligência, tanto nos aspectos técnicos quanto de autoconhecimento, aprimorando o autodiscernimento.

O raciocínio do indivíduo deve estar preparado para resolver os desafios do negócio e prosperar na vida. O profissional pragmático sem consistência de conceitos tende a “formalizar a informalidade”, combatendo, resistindo ou desconsiderando o modelo de gestão da organização.

Assumir e manter o mindset de autodesenvolvimento é o passaporte para a autonomia e empregabilidade. A evolução humana e a organizacional precisam formar um ciclo virtuoso, contudo é necessário um conhecimento com autoconhecimento para impulsionar a autoevolução do profissional e os melhores resultados do negócio, conforme detalhado no artigo https://pmeacademy.com.br/autoconhecimento-para-liderar-e-mandatorio/.

Boas reflexões e até breve!

Treinamento e desenvolvimento na PME como benefício para sua equipe!

Treinamento e desenvolvimento na PME como benefício para sua equipe!

Além de selecionar uma equipe que reúna habilidades e comportamentos alinhados com o propósito do negócio, um desafio relevante para o empreendedor é manter essa equipe em evolução constante, com o mínimo de rotatividade dos seus integrantes.

Nesse contexto, uma das práticas usualmente observadas é a oferta do chamado pacote de remuneração – composto pelo salário, benefícios regulares (para atender aspectos legais) e remuneração variável (participação em resultados).  No entanto, somente a remuneração como recompensa tente a tornar-se comum, diminuindo sua eficácia com o passar do tempo.

Por outro lado, para manter a equipe em constante evolução é essencial que se aumente suas competências. Assim, uma alternativa que pode reunir tanto o reconhecimento quanto a evolução dessas competências, é a oferta de planos sistematizados de treinamento e desenvolvimento.

Deste modo é fundamental dispor de ferramentas e elaborar uma comunicação que engaje as pessoas, associando a oferta de desenvolvimento como real benefício para sua formação e crescimento profissional.

Talvez neste momento, você empreendedor – proprietário ou executivo – de uma pequena ou média empresa, esteja se questionando: “mas como aplicar isso no meu negócio com a melhor relação de investimento e resultados?

É neste cenário que a PME Academy se apresenta para entregar soluções de desenvolvimento permanente à sua equipe, através de uma plataforma de cursos online e outros conteúdos (webinars, mentorias, podcasts,…), a um investimento que certamente caberá no seu orçamento e trará resultados consistentes para seu negócio.

Conte conosco nessa jornada!

De DP para DHO nas PME (Pequenas e Médias Empresas)

O Desenvolvimento Humano e Organizacional (DHO) é uma necessidade urgente nas pequenas e médias empresas, porque o resultado financeiro e o desenvolvimento humano são interdependentes. Os resultados emergem dos talentos humanos e há muito potencial ainda adormecido no ambiente de negócios brasileiro.

Há um dilema a ser resolvido no Brasil: os empresários reconhecem que precisam de gestores e líderes mais preparados, por outro lado consideram uma despesa elevada investir em seu desenvolvimento. Ao mesmo tempo esses profissionais entendem que necessitam de mais conhecimento, mas poucos conseguem custear os próprios estudos.

Há um número grande de vagas não preenchidas no mercado por falta de profissionais de perfil gerencial mais bem preparados. Nesse dilema temos os profissionais querendo estudar para alcançarem posições melhores, ou pelo menos garantir sua empregabilidade, e empresários precisando de profissionais melhor preparados sem dispor de orçamento para seu desenvolvimento, lutando pela sobrevivência do negócio.

O conhecido DP – Departamento Pessoal – visa manter a empresa de acordo com as leis trabalhistas cumprindo as rotinas administrativas obrigatórias, contudo sem planejar o desenvolvimento dos profissionais.

Avançando, a área de RH – Recursos Humanos – identifica e contrata os profissionais com as competências básicas necessárias para os cargos, estabelecendo o salário condizente e orientado para o resultado.  Grande parte dos RH tem um orçamento insuficiente para o desenvolvimento desses profissionais, quando muito precisam decidir quem será desenvolvido e quem deverá esperar, independente da forte dedicação dos responsáveis por esta área.

Já uma área de DHO – Desenvolvimento Humano e Organizacional – é cada vez mais uma aliada estratégica para o sucesso do negócio. Orienta-se em promover uma educação continuada, ampliando a visão de mundo dentro e fora da empresa, dando acesso a novos conhecimentos especializados da área de atuação desses profissionais e conhecimento generalista complementar, facilitando a visão sistêmica, o aprimoramento profissional e humano.

A PME Academy desenvolveu uma solução para que as PME (Pequenas e Médias Empresas) consigam atuar ao modo de DHO, transformando o DP ou RH em DHO o mais rápido possível, para potencializar os esforços e os talentos. Como a plataforma PME Academy funciona online, via web, bastando ter usuário e senha cadastrados, os profissionais com acesso ficam livres para estabelecer seu próprio ritmo de estudo e aprendizagem, de onde estiverem e nos dias e horários que mais forem convenientes. E isso tudo a um custo totalmente acessível às PME, mesmo as menores empresas.

Com nossa solução, o importante Plano de Desenvolvimento Individual (PDI) pode ser facilmente elaborado através das áreas de conhecimento e atuação empresarial, que chamamos de verticais. Para cada vertical desenhamos trilhas de aprendizagem, desde uma básica até uma trilha expert. Cada trilha é composta por um conjunto de cursos, que por sua vez são entregues em aulas rápidas e objetivas.  Pelo artigo PME Academy online, solução para profissionais de gestão e liderança nas PME você tem uma visão detalhada dessa estrutura.

Este é o convite que fazemos aos DPs e RHs das PME, vamos juntos promover a transformação para DHO. Conte com o apoio de nosso time de especialistas, de várias áreas do conhecimento, para a sua empresa potencializar os resultados aprimorando as pessoas para o seu negócio prosperar.

LinkedIn
YouTube
Twitter
Facebook
Instagram